O presidente da Rússia, Vladimir Putin, anunciou nesta terça-feira que seu país tornou-se o primeiro do mundo a registrar uma vacina contra a Covid-19.”Esta manhã uma vacina contra o novo coronavírus foi registrada pela primeira vez no mundo”, disse o chefe do Kremlin, em reunião com o Gabinete de Ministros. Segundo o presidente, a vacina russa é “eficaz”, passou em todos os testes necessários e permite obter uma “imunidade estável” contra a Covid-19. Além disso, Putin revelou que uma de suas filhas já foi vacinada e que agora passa “bem”. Há muita desconfiança entre a comunidade científica, no entanto, a respeito da confiabilidade do composto, já que o país não divulga informações sobre as pesquisas ou método de elaboração da fórmula.

“Espero que em breve possamos começar a produção em massa deste remédio”, disse o presidente russo durante a reunião. Ao mesmo tempo, acrescentou que a vacinação será voluntária. Putin disse também estar confiante de que os países estrangeiros poderão em breve desenvolver suas vacinas contra o novo coronavírus. “Espero que nossos colegas no exterior também continuem seu trabalho e no mercado farmacêutico e de vacinas haja mais remédios que possam ser usados”, afirmou.

A Rússia é atualmente o quarto país do mundo em número de casos confirmados do novo coronavírus, com 897.599 infecções, já somando as 4.945 registradas ontem, de acordo com os últimos dados oficiais.

Deixe seu Comentário